Como escolher uma fotografia para o LinkedIn

Fotografia de perfil, retrato profissional, foto de rosto, headshot. São várias as designações para a sua imagem num ambiente mais profissional. Mas neste caso a designação pouco importa, apenas o resultado.

O LinkedIn é uma rede social de negócios, usada por profissionais de todas as áreas. Como tal, convém que as fotografias usadas nos perfis sejam também elas profissionais, e adequadas. A primeira impressão que vai causar no LinkedIn será sempre através da fotografia que escolheu para vos representar. E, às vezes, somos mesmo julgados pelas fotos que apresentamos. Qual é a imagem que quer passar? Se é a de um profissional competente, terá de ter alguns cuidados. Não se esqueça, a sua imagem é o seu cartão de visita, e a sua marca pessoal.

“Uma série de experiências dos psicólogos de Princeton, Janine Willis e Alexander Todorov, revelam que apenas é necessário um décimo de segundo para formar uma impressão de um estranho, e que exposições mais longas não alteram significativamente essas impressões (embora possam aumentar a confiança nos seus julgamentos). A pesquisa é apresentada no artigo “First Impressions”, na edição de Julho da Psychological Science.” Pode ler o resto aqui: How Many Seconds to a First Impression?

“Tem apenas uma oportunidade de causar uma primeira boa impressão” – cliché, claro, mas ainda assim não deixa de ser verdade.

Na hora de escolher a foto evite cometer estes erros:

  • Fotos de corpo inteiro
  • Fotos de férias
  • Fotos muito pequenas, em que não se perceba quem lá está
  • Fotos de óculos escuros
  • Fotos de rosto muito próximas
  • Fotos de um cartão de identificação
  • Fotos com demasiada maquilhagem
  • Fotos de casal ou em família
  • Fotos em que está a olhar para o lado
  • Fotos com animais
  • Fotos com poses estranhas
  • Fotos a preto e branco
  • Fotos antigas
  • Fotos com fundos que sejam distractivos
  • Fotos com filtros
  • Fotos com logotipos/desenhos
  • Selfies
Relacionado: Cabeça cortada?

Escolha uma foto de rosto. Como as fotos de perfil aparecem em miniaturas no LinkedIn, a sua foto deve ser apenas da cabeça, pescoço e do alto dos ombros.

Evite usar um vestido sem alças, top ou qualquer outra coisa muito reveladora que faça parecer um nu. A palavra chave aqui é “profissional”. Vestir-se profissionalmente também significa evitar o uso de muita maquilhagem ou jóias e penteados distractivos. Deverá ainda evitar roupas com padrões muito fortes, o foco tem de estar em si, e não na roupa/maquilhagem/acessórios.

Relacionado: Antes e depois – Maquilhagem numa “headshot”

Deverá manter contacto visual com a câmera, e ter uma expressão que transmita simpatia e acessibilidade.

Se precisar de um serviço profissional, procure alguém que faça parte da Headshot Crew e, de preferência, seja Associado (significa que tem um portefólio revisto e aprovado por Peter Hurley, criador do site Headshot Crew, e número um mundial em retrato profissional). Terá à sua disposição um profissional preparado para conseguir a sua melhor expressão e o ângulo que mais o favorece. Mais que uma sessão fotográfica, será uma experiência fantástica que não irá esquecer. Expressões como “não sou fotogénico/a”, “nunca fico bem nas fotos”, “as câmeras não gostam de mim”, não vão mais fazer sentido. Ganhará confiança, e ficará preparado para enfrentar as máquinas fotográficas para sempre.

Não subestime o poder que um retrato profissional bem feito tem.

Tornei-me Associado Headshot Crew em Agosto de 2017, pode consultar o meu portefólio e outro tipo de informações aqui: Headshots – Retrato Profissional

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

error: Content is protected !!